Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Palácio Aberto aborda fake news no programa que vai ao ar na TVE

Publicação:

03122021 FDV 2650
Programa foi gravado no histórico Salão Alberto Pasqualini, no Palácio Piratini - Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

A sexta edição do Palácio Aberto, com o tema fake news, será apresentada neste sábado (11/12), na TVE, às 21h30. Gravado no histórico Salão Alberto Pasqualini, no Palácio Piratini, o programa é uma produção da Secretaria de Comunicação (Secom) do Estado.

Boatos e notícias falsas não são uma novidade no mundo conectado. Mas com a ampliação do acesso à internet e aos dispositivos digitais, os conteúdos mentirosos passaram a atingir um número cada vez maior de pessoas, influenciando desde processos eleitorais ao redor do mundo até a adesão da população à vacinação e cuidados com a Covid-19.

03122021 FDV 2680
Jornalista Marcelo Träsel, presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo - Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini
03122021 FDV 2661
Jornalista Taís Seibt, coordenadora do Núcleo de Estudos em Jornalismo de Dados e Computacional do Inst. Brasileiro de Ensino - Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini
03122021 FDV 2656
Publicitário Rafa Bandeira, estrategista digital - Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

No Palácio Aberto, o assunto foi debatido pelo jornalista e presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), Marcelo Träsel; pela também jornalista e coordenadora do Núcleo de Estudos em Jornalismo de Dados e Computacional (DataJor) do Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP), Taís Seibt; e pelo publicitário e estrategista digital Rafa Bandeira. A apresentação é da jornalista Nara Sarmento.

Uma das principais pesquisas mundiais sobre a propagação fake news, a Digital News Report, do Instituto Reuters, mostrou, na mais recente edição, que, entre 2013 e 2021, a proporção de brasileiros que passou a utilizar redes sociais como fonte de informação subiu de 47% para 63%, passando a televisão, com 61%, e ficando atrás apenas do ambiente digital como um todo (incluindo portais e blogs), que corresponde a 83%.

O celular apareceu como o dispositivo preferido para o consumo de notícias, com 77% dos entrevistados brasileiros. A rede social mais acessada para consumo de informação é o Facebook (47% dos entrevistados), seguida do Whatsapp (43%). E um a cada dois brasileiros entrevistados disse compartilhar notícias com frequência em suas redes.

Com a facilidade de acesso e de publicação de conteúdos ao alcance da mão, sem a preocupação com critérios de apuração e checagem, a grande viralização de notícias falsas se tornou uma realidade de difícil controle. Muitos portais e veículos de comunicação já destinam um espaço exclusivo para desmentir informações falsas que surgem na internet.

A reprise do programa será domingo, às 23h45, na TVE. O conteúdo também ficará disponível no canal do governo do Estado no Youtube.

Palácio Aberto

O Palácio Aberto foi idealizado com o objetivo de abordar temas de interesse da sociedade tendo como cenário o Piratini, que completou 100 anos em 2021. A primeira edição, ambientada no Salão Alberto Pasqualini, teve como tema a Luta pela Democracia e foi conduzida pelo governador Eduardo Leite e pela secretária de Comunicação, Tânia Moreira.

O segundo programa, gravado nos jardins do palácio, abordou a campanha do Outubro Rosa, o terceiro, gravado no Salão Negrinho do Pastoreio, analisou os hábitos da “nova terceira idade”. A quarta edição trouxe especialistas para falar sobre a violência doméstica contra as mulheres e a quinta, exibida em novembro, teve como tema a consciência negra.

Texto: Thamíris Mondin
Edição: Marcelo Flach/Secom

Mais notícias

Secretaria de Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul